3 Erros que Iniciantes Cometem ao Vender no Mercado Livre

3 Erros que Iniciantes Cometem ao Vender no Mercado Livre

Caue Oliveira
Escrito por Caue Oliveira em 16 de agosto, 2023
Junte-se aos melhores

A comunidade de Sellers Shopee que mais cresce no Brasil

3 Erros que Iniciantes Cometem ao Vender no Mercado Livre

No artigo de hoje eu vou te mostrar os 3 erros que iniciantes cometem ao vender no Mercado livre. Então, se você se encaixa nessa categoria, se você está, por aí, tentando vender na plataforma, tentando começar um negócio de renda extra ou algo que vai se tornar sua renda principal, que é totalmente possível, preste muita atenção nesse conteúdo para você não cometer nenhum desses 3 erros.

Primeiramente vou começar me apresentando, sou Cauê Oliveira, muito prazer e sejam todos bem-vindos. Em meu blog e canal do YouTube tenho muitos conteúdos sobre Mercado Livre e Shopee, principalmente como você consegue vender mais na Shopee.

Então, se você ainda não acompanha o meu canal ou esse blog, já se inscreve lá e não deixa de acompanhar nenhum assunto para ficar por dentro de tudo. Afinal, todos os dias tem artigo novo aqui no blog para te ajudar a vender mais e ganhar muito mais dinheiro, prosperar o seu negócio na internet com seu e-commerce.

O Mercado Livre para gente é um grande canal de entrada de novos vendedores que alguns em pouco tempo, outros nem tão pouco, mas com consistência semelhante consegue ter resultados e conseguem construir grandes negócios no mundo do e-commerce.

Inclusive vários dos negócios que conhecemos hoje surgiram do Mercado Livre, a Netshoes mesmo foi algo que surgiu dentro do Mercado Livre e vários outros exemplos. Mas, o objetivo desse conteúdo é te mostrar os 3 erros que te impedem de vender.

Como vender no Mercado Livre em 2023

Vamos falar um pouco sobre o primeiro erro, que você precisa refletir um pouco sobre ele. Quando a gente quer vender algo pela internet, é muito natural a gente pensar em algum produto que a gente gosta, em algo que a gente usa, em algo que a gente compra ou tenha aptidão e se apaixone pela ideia de vender esse produto.

O Mercado Livre, diferente de você montar uma loja virtual e criar suas campanhas, criar a sua marca, ele é shopping virtual, onde você vai ser um vendedor no meio de vários outros vendedores e você vai estar com um único objetivo: tentar pegar um pedaço do bolo que existe para cada categoria de produtos.

O Mercado Livre existe um bolo do tamanho do mercado para cada categoria de produto, digamos que você queira vender produtos ligados a esportes. Existe um bolo ali, um número de pessoas que todos os dias estão pesquisando por produtos relacionados a esportes.

Existem inúmeros vendedores querendo vender produtos desse segmento e o seu trabalho é tentar pegar uma fatia desse bolo para você. Essa é uma visão super macro e bem analógica do que seria o Mercado Livre.

Você pode observar que no Mercado Livre, diferente de outros marketplaces ele não vende nada para você, quem vende são outros vendedores. Ele é quase (100%) que um shopping, onde outros vendedores vão lá e vendem produtos.

Agora, quando você entra em outros marketplaces, a Magalu, grande parte dos produtos são vendidos pelo próprio marketplace, o que faz com que muitos clientes de preferência para isso.

Primeiro erro: vender o que quer no Mercado Livre e não produtos com demanda

Isso faz com que o primeiro grande erro seja o seguinte: não adianta eu ver o que eu quero no Mercado Livre. Não adianta eu entrar com a mentalidade de querer vender o produto que eu tenho paixão, aptidão, algo em que eu esteja apaixonado, que eu queira curar uma marca.

Não vai fazer sentido, porque provavelmente esse produto não tem demanda, eu não irei conseguir aproveitar uma demanda que não existe. Em contrapartida, não faz sentido eu criar essa demanda dentro do Mercado Livre.

O Mercado Livre não é um site onde eu crio a demanda, é onde eu aproveito a demanda. Então, você usa todo esse poder da marca da plataforma para vender, por isso, você aproveita a demanda deles.

Com isso, ao invés de você vender o que quiser dentro do Mercado Livre, você precisa vender o que tem demanda dentro dele.

Tendências do Mercado Livre

Estou na primeira página do Mercado Livre e você pode entrar aí e observar que vai ter uma série de produtos, as categorias, o campo de busca acima que as pessoas costumam utilizar. E o que eu quero que você identifique é lá embaixo e procure por “Tendências”.

Quando eu digo venda o que tem demanda e não venda o que quiser, é justamente isso. Não significa que o que você quer não tem demanda, você precisa verificar isso. Digamos que eu queria vender raquete de tênis, produtos para tenistas no Mercado Livre.

Como verificar a demanda de um produto no Mercado Livre?

É o produto que eu quero vender, mas será que tem demanda? Não sei, eu preciso verificar antes de tomar a decisão de vender ele. Eu posso verificar isso acessando o Mercado Livre e pesquisar pela raquete de tênis babolat.

3 Erros que Iniciantes Cometem ao Vender no Mercado Livre
3 Erros que Iniciantes Cometem ao Vender no Mercado Livre

E eu vou observar se isso tem demanda, o preço dela é de R$1.342, ela tem mais de 100 unidades vendidas. Se eu considerar esse preço ela significa que esse produto lucro 134 mil reais, ele tem demanda aparentemente.

E tem outros anúncios para esse tipo de produto e mais barato do que esse acima, mas ela só tem mais de 25 vendidos, ela faturou um pouco mais de 8 mil reais, bem menos do que o produto acima.

Então, você pode reparar que tem demanda, sim, pode não ser o melhor produto do mundo. Mas, você pode não querer competir com todo mundo, você queira um produto que não tenha tanta concorrência e você consiga vender.

Com essas informações, você pode voltar nas tendências e encontrar esse produto e ele vai te dar as buscas mais desejadas desse produto. A segunda mais desejada é a raquete badminton. Então, ao invés de vender essa raquete acima, eu venderia a raquete badminton.

Segundo erro: não analisar a concorrência no Mercado Livre

Agora, a gente vai para o segundo grande erro, já está conectado com muito que falei, que é não analisar a concorrência na plataforma. Digamos que eu venha na plataforma e decidi vender raquete bitte tênis, já pego o contato do fornecedor, compra o produto e já começa a vender.

Não é bem assim, eu preciso analisar a concorrência. Então, vamos agora fazer uma pesquisa por raquete de bitte tênis, eu preciso saber como está essa demanda. Detalhe que o Google me indicou uma palavra com muita pesquisa, o Tênis escrito com dois NN.

E esse produto tem mais de 1 mil unidades vendidas, significa que ele já deve ter faturado quase meio milhão e tenho mais de 11 mil resultados para essa raquete bitte tênis. Esse produto tem muita demanda.

O que é analisar a concorrência? Eu preciso começar a fazer um estudo com os concorrentes, os modelos de raquete que quero vender e os preços que eles vendem. Porque com isso, eu irei localizar os fornecedores para comprar o preço de custo mais baixo do que com as taxas do Mercado Livre eu consiga ter lucro. Basicamente é isso.

Terceiro erro: comprar estoque de produtos para vender no Mercado Livre de forma equivocada

E o último grande erro é comprar o estoque de forma errada, equivocada. Então, ao invés de comprar 50 raquetes de tênis 1 de cada modelo, eu compraria 50 e selecionaria apenas 3 modelos que eu consiga ter uma boa margem, um bom volume de vendas e pouco concorrentes.

Ai, sim, eu consigo ter volume, se um anúncio ganha destaque eu vou vender, vou ter resultados e quando meu estoque começar a abaixar eu ligo para o fornecedor e peço mais do produto. Essa é a grande sacada.

Leia também: Vale a Pena Utilizar Dropshipping no Mercado Livre

E por hoje é somente isso, empreendedor(a). Espero que todos tenham entendido os grandes erros dos vendedores iniciantes do Mercado Livre.

Comente

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!