Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?

Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?

Caue Oliveira
Escrito por Caue Oliveira em 17 de agosto, 2023
Junte-se aos melhores

A comunidade de Sellers Shopee que mais cresce no Brasil

Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?

Fala galera, sejam muito bem-vindo a mais um artigo aqui no blog. E aí, em 2023, o que será que é melhor para a gente começar a vender, qual marketplace é mais vantajoso entre o Mercado Livre ou a Shopee? Nesse artigo eu irei dar a minha opinião de qual plataforma eu, Cauê Oliveira, escolheria se eu estivesse começando agora em 2023.

Não tem como a gente negar o crescimento que a Shopee teve nos últimos anos aqui no Brasil, principalmente em 2020 para cá, foi um crescimento muito grande, com certeza pegou uma fatia do mercado, principalmente para aqueles vendedores inicialmente e trabalham com ticket mais baixo.

E ela teve uma aceitação ótima por parte dos compradores, como as propagandas de televisão em horário nobre, em grandes canais de YouTube, uma forte divulgação nas mídias fez com que a plataforma crescesse mais rápido e consequentemente assustasse todo o mercado.

E não é por menos, uma plataforma que chegou como chegou em tão pouco tempo tomar todo esse espaço e chamar essa atenção que teve, baseada nas estratégias mais agressivas que eles tiveram nesse longo período, o resultado não poderia ser diferente.

Estratégia que a Shopee usou quando chegou no Brasil

Quando a Shopee chegou no Brasil a estratégia era, de fato, muito agressiva, era uma enxurrada de frete grátis, taxa zero para você vender, depois de um tempo foi subindo a taxa aos poucos.

E com isso, muitas pessoas se animaram. Principalmente aquelas pessoas que estavam descontentes com o Mercado Livre, já não via mais futuro na plataforma e não estava conseguindo deslanchar la. Então, muitas pessoas desanimaram de vender no Mercado Livre e viram a Shopee como uma grande oportunidade.

Principalmente para o pessoal mais iniciante, talvez ele tenha pouco dinheiro para começar e na Shopee ela já venho vendendo muitos produtos de ticket baixo. Por isso, quem vendia produtos abaixo de R$40 ou R$30, conseguiu se dar muito bem e era uma plataforma que estava começando.

Então, para você conseguir se destacar na plataforma com menos vendedores, uma plataforma querendo mostrar resultados e consequentemente querendo que você pare para mais pessoas e vender para se animar com os resultados, deu muito certo.

Aumento de vendedores na Shopee

Muitas pessoas passaram a vender na Shopee, se animou bastante e saiu do Mercado Livre e começou em outra plataforma. E isso não tem problema algum, como eu sempre falo, desde aquela época, eu só acho que não valeria você apostar todas as suas fichas na Shopee.

Porque aquilo que eles faziam naquela época não era algo sustentável, imperialmente falando. O custo operacional para oferecer todos aqueles serviços e condições não era lucrativo ao longo prazo. E eu já sabia disso, era muito óbvio para quem está nesse mercado há muito tempo.

A gente já viu esse movimento acontecer quando a Amazon veio para o Brasil, por exemplo, vendendo livros muito abaixo do preço de custo e livrarias do Brasil. E aconteceu o quê? Várias livrarias quebraram neste ano.

Então, é uma estratégia de ganho de mercado que a Shopee utilizou aqui no Brasil e funcionou muito bem. Ela funcionou em outros países que fecharam porque não foi sustentável, como a França, Espanha e a Índia que era o maior mercado deles, acabaram saindo também.

Mas, isso não anula que seja uma excelente plataforma para você vender, mesmo atualmente, e antes de entrar nesse assunto e dar minha opinião, eu quero mostrar alguns números para vocês.

Ranking dos 30 maiores e-commerce do Brasil

Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?
Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?

Olha que interessante, esse é o ranking dos 30 maiores do Brasil (dados de visitas mensais de aplicativos Android e Web). Se a gente for considerar janeiro de 2022, o Mercado Livre teve 311 milhões de visitas.

Enquanto a Shopee teve somente 188 milhões, isso falando de janeiro de 2022. Mas, em junho de 2022, o Mercado Livre teve 292 milhões de visitas contra 202 milhões da Shopee e a Amazon com 107 milhões de visitas, a metade da Shopee.

Isso mostra o crescimento para compradores e vendedores, esse movimento e atenção que a Shopee conseguiu chamar para ela em tão pouco tempo.

Ranking dos 10 maiores aplicativos de e-commerce do Brasil

Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?
Mercado Livre ou Shopee: Qual o Melhor para Vender em 2023?

Já esse outro ranking ele mostra os 10 maiores aplicativos de e-commerce, aí já envolve todos eles. Neste caso, não estamos falando só de marketplace, que em primeiro lugar nós temos a Shopee com 128 milhões de visitas para Android de 2022, contra 74 milhões do Mercado Livre e em terceiro vem o Ifood com 49 milhões de visitas.

Mais uma demonstração de força da plataforma quando o cara acessa via celular usando a plataforma Android.

Como funciona a logística da Shopee?

Conforme eu havia dito no começo, era fato que uma hora ou outras essas condições que a Shopee ofereciam não ia ser sustentável ao longo prazo. Porque a conta não fecha, simplesmente o custo operacional da empresa é muito maior do que a receita, consequentemente a empresa não tem lucro.

Mas, a Shopee pelo fato de pertencer a um grande grupo que é o SEA Group, que é um grupo lá de Singapura, dona de banco, ela também é dona da Garena a produtora de jogos como o Free Fire, etc. A Shopee é só mais um braço dessa empresa.

Onde todas essas outras operações da empresa sustenta a Shopee nessa fase de crescimento dentro dos países. Mas, é claro que isso não vai se sustentar por muito tempo. Então, a Shopee já fez algumas mudanças nas taxas de comissão sobre as vendas e algumas outras mudanças como o frete grátis, e outras coisas.

Então, aos poucos eles começam a acrescentar custos para fechar a conta e não sair no vermelho. De alguma forma, a plataforma precisa monetizar e não estou falando que não tem nada de errado nisso.

Eu estou apenas querendo dizer que tudo aquilo que falei de 2020 para os dias de hoje, uma ou outra a conta ia chegar, porque não existe almoço grátis. E não deu outra, já chegou fazer tempo e cada vez mais ela está se aproximando da realidade dos outros marketplaces.

Como funciona a logística do Mercado Livre?

Agora a grande questão é, o Mercado Livre é uma plataforma que já está há mais 15 de anos no Brasil. Ele já passou por uma curva de aprendizagem em questão de logística, em questão de conhecer o próprio público consumidor por estar no Brasil há muito tempo.

A política também, nos já tivemos tantas trocas de governo de direita e de esquerda. E mesmo assim, o Mercado Livre sempre manteve a sua sansão independente de quem estivesse no poder.

Então, existe um histórico muito grande da plataforma de passar por muitos obstáculos, mudanças e políticas sociais que transformaram a plataforma em algo cada vez mais robusto.

Qual a melhor plataforma para vender em 2023?

Mas, falando de vendas, afinal de contas é o que interessa para nós aqui nesse artigo comparativo. Qual é o melhor para começar a vender em 2023? E o melhor é o seguinte: é aquilo que se adequa melhor ao seu perfil de vendedor.

Muitas das vezes você é um cara que está começando agora a vender produtos de ticket mais baixo e a Shopee por ser uma plataforma mais acessível para quem está começando, ela é melhor para você.

Então, dependendo do ticket que sua empresa trabalha, é mais interessante a Shopee do que o Mercado Livre.

Leia também: Venda Muito com a Ferramenta Leve Mais por Menos da Shopee

Comente

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!