Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?

Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?

Caue Oliveira
Escrito por Caue Oliveira em 30 de agosto, 2023
Junte-se aos melhores

A comunidade de Sellers Shopee que mais cresce no Brasil

Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?

Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?
Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?

Hoje vamos entrar em uma batalha épica aqui no blog, de um lado temos o gigante Mercado Livre, uma plataforma com milhares de usuários prontos para comprar e do outro, a liberdade total de uma loja virtual própria, onde você faz suas próprias regras.

Mas, qual é a melhor opção para começar a vender online? Quais são as vantagens e desvantagens dos dois? Se você está começando a vender online ou se já vende e quer expandir seus horizontes. Esse artigo é para você!

Vantagens de começar a vender no Mercado Livre

Em primeiro e talvez a principal vantagem é o baixo investimento inicial. Acredite, é possível iniciar suas vendas sem precisar desembolsar uma fortuna em infraestrutura ou na criação em um site do zero.

Isso permite que qualquer pessoa inicie o seu negócio com poucos recursos. E sabe o que é melhor? O Mercado Livre tem uma base de usuários enorme, isso significa que seus produtos serão a chance de brilhar diante de uma multidão de potenciais compradores. É como ter uma vitrine em uma das ruas mais movimentadas da cidade.

Mercado Envios e Mercado Pago do Mercado Livre

Além disso, temos o Mercado Envios, o serviço de logística integrada que facilita todo o processo de entrega dos produtos. É praticamente um passo a passo, na primeira etiqueta de envio que é pré-paga, enviar os pacotes, rastrear.

Tudo em um só lugar e sem complicação. E não para por aí, o Mercado Livre tem o seu próprio sistema de pagamento, o Mercado Pago. Ele oferece diferentes opções de pagamento, seja no cartão de crédito, boleto bancário ou até mesmo saldo na conta do próprio mercado Pago. Ele é seguro, confiável e transmite confiança para seus compradores.

Sistema de qualificação e reputação do Mercado Livre

Outra vantagem é o sistema de qualificação e reputação do Mercado Livre. Isso é uma mão na roda para construir uma reputação positiva para os vendedores. E acredite, uma boa reputação é um ímã para novos clientes.

E claro, não poderíamos deixar também de citar sobre os recursos promocionais. O Mercado Livre permite que você destaque seus anúncios, que aumenta a visibilidade dos seus produtos.

Então, isso é chance para sair na frente da concorrência e chamar a atenção dos milhões de consumidores do marketplace.

Desvantagens de vender no Mercado Livre

Agora, vamos falar um pouco das desvantagens de vender no Mercado Livre. Sim, infelizmente nem tudo são flores, tem alguns espinhos nesse caminho que a gente precisa conhecer.

Primeiramente, temos as taxas do Mercado Livre. Ao vender um produto, uma porcentagem vai diretamente para a plataforma e é aqui que mora o perigo, pois isso pode afetar diretamente sua margem de lucro.

Então, é preciso fazer contas certinhas e ver se o jogo realmente vale a pena para você. Outra questão que pode ser um desafio é a concorrência, o Mercado Livre é como um oceano, cheio de peixes.

O que significa que vai estar disputando a atenção do consumidor com um mar de outras ofertas. Conseguir se destacar e chamar a atenção do seu cliente pode ser uma tarefa árdua.

Falta de personalização no Mercado Livre

Mas, falando em se destacar, tem outras desvantagens, a personalização, ou melhor, a falta dela. No Mercado Livre todos os anúncios seguem um formato padrão, o que pode dificultar a construção de uma identidade única de marca e você fica limitado ao que a plataforma permite.

E por último, não menos importante, temos o controle de dados dos seus clientes. No Mercado Livre quem detém essas informações é a própria plataforma do Mercado Livre e isso é um grande desafio, pois o conhecimento sobre o seu público é essencial para desenvolver estratégias de marketing eficazes.

E não podemos esquecer que ao vender em uma loja virtual própria, você tem maior controle sobre o preço dos seus produtos e significa que você pode cobrar um valor mais alto ou evitar o pagamento de comissão para o Mercado Livre, aumentando a sua lucratividade.

Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?
Mercado Livre VS Loja Virtual: Qual a Melhor para Vender?

Vantagens de ter uma loja virtual própria

Mas, e quanto ter a sua loja virtual própria? Quais seriam as vantagens? Bom, temos várias. A primeira vantagem é a liberdade criativa, você pode criar uma loja que seja a cara do seu negócio, escolhendo o designer, layout, as cores, as funcionalidades que mais combine com a sua marca e os produtos que você vende.

Quer algo mais autêntico que isso? Outro ponto positivo é que a sua loja própria virtual, você pode é quem faz as suas próprias regras. Você tem total controle sobre as suas políticas, promoções, descontos e até mesmo as formas de pagamento.

Por isso, essa flexibilidade pode ser um grande diferencial para você adaptar às demandas do mercado e cativar seus clientes com ofertas especiais. Outra vantagem é que você tem o poder sobre os dados dos seus clientes.

E não estou falando nada de ilegal, estou falando sobre informações importantes para o crescimento do seu negócio. Possuir acesso direto aos dados dos seus clientes, permite que você conheça melhor o público, aprimore suas estratégias de marketing e personalize a experiência do seu cliente.

Isso é ouro no mundo dos negócios. E claro, não poderia deixar de mencionar a lucratividade. Na sua própria loja virtual você tem total controle sobre o preço dos seus produtos sem precisar se preocupar com taxas ou comissões de terceiros, você pode definir preços mais altos ou oferecer descontos mais atraentes sem sacrificar sua margem de lucro.

Quem não quer ganhar mais não é mesmo? Mas, possui sua loja virtual própria, tem as suas desvantagens, e agora vamos falar sobre elas.

Desvantagens de ter uma loja virtual própria

Você precisa entender que abrir uma loja virtual é como abrir uma loja física em uma rua sem movimento, você precisa investir em estratégias de marketing digital para atrair clientes e fazer com que eles conheçam sua loja.

Mas, não é somente isso pessoal, gerenciar uma loja virtual também envolve administrar estoque, atendimento ao cliente, logística, atualização constante da plataforma e muito mais.

Então, é um trabalho duro, não vou mentir para você. Mas, fique tranquilo que eu tenho a solução para você. A Nuvem Shop é uma plataforma de e-commerce intuitiva e cheia de recursos, ela oferece suporte para uma criação de loja virtual na sua cara, integração tem diversas formas de pagamento, auxílio com logística e estratégia de marketing digital. Tudo isso de forma simples e descomplicada.

Qual é o melhor para começar a vender na internet: Mercado Livre ou Loja Virtual Própria?

E agora, chegamos ao final e a pergunta que fica é: Mercado Livre ou loja virtual própria, qual escolher? Eu te digo, que tal os dois? É isso mesmo! Criar uma estratégia de vendas que combina em Mercado Livre e loja virtual própria pode ser uma ótima maneira de você obter o melhor dos dois mundos.

Por isso, você pode aumentar suas margens de lucro, reduzir os riscos de depender apenas de um canal de vendas e atingir diferentes públicos. E lembre-se, no mundo dos negócios tem desafios, tem vantagens e desvantagens.

Mas, com dedicação, trabalho duro e as informações certas, você pode navegar por esses desafios e alcançar o sucesso. E, ai, já decidiu por onde você vai começar a vender online? Conta para mim aqui nos comentários.

Por hoje é somente isso, empreendedor(a). Vou encerrar por aqui e te espero no próximo artigo de amanhã.

Leia também: Qual a Margem de Lucro Ideal para Trabalhar no Mercado Livre?

Comente

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!